fbpx

Subscribe Now

* You will receive the latest news and updates on your favorite celebrities!

Trending News

Conheça os 4 principais tipos de combustíveis e as suas diferenças!
Veículos

Conheça os 4 principais tipos de combustíveis e as suas diferenças!

A maioria das pessoas refere-se ao posto de combustível como “posto de gasolina”. Embora já estejamos acostumados com esse termo, sabemos que nesse local não tem disponível apenas gasolina, pois existem diferentes tipos de combustíveis para o seu veículo. Você sabe a diferença entre eles?

Ao longo dos anos, foram surgindo mais opções para o abastecimento do carro. O desafio é entender qual é a melhor para o seu automóvel. Se você não sabe exatamente como fazer essa escolha, não se preocupe. Entenda melhor lendo este post!

Veja quais são os tipos de combustíveis para seu veículo

Aditivado ou comum? Ou talvez premium? formulada? O que você leva em consideração quando vai abastecer? As nomenclaturas nem sempre são claras. E, na verdade, até mesmo a diferença entre gasolina e etanol pode confundir. Entenda melhor cada um dos tipos disponíveis.

1. Gasolina comum, aditivada, premium e formulada

Não é só o preço que muda na hora de abastecer com gasolina. As opções variam bastante nas bombas. O tipo Comum é o mais popular dessa lista. Sua composição é de 27% de etanol anidro, 55 ppm (partes por milhão) de enxofre e apresenta octanagem (medida de resistência à pressão) mínima de 87, seguindo o IAD (Índice AntiDetonante).

Enquanto isso, a gasolina aditivada conta com adicionais que ajudam na performance veicular. A premium, por outro lado, tem menos etanol anidro e é mais indicada para carros que tenham um motor de alta potência.

Já a gasolina reformulada entra nas bombas como as sobras da comum. Sim, o combustível é produzido com uma qualidade sabidamente inferior. No entanto, sua produção é regulamentada e pode ser comercializada, mesmo sem ter a mesma qualidade das demais.

2. Etanol comum e aditivado

Na maioria dos locais, o etanol é mais conhecido por álcool. É feito a partir da cana de açúcar e tende a ser mais barato que a gasolina. Entretanto, precisa de atenção na hora de avaliar sua capacidade de rendimento.

Powered by Rock Convert

Tal como diz o nome, o aditivado conta com ingredientes adicionais. Nesse caso, a intenção é proteger o sistema de injeção dos carros. Contudo, com popularização dos automóveis flex, essa proteção costuma vir direto de fábrica. É por isso que o etanol aditivado não é muito vantajoso para a maioria dos motoristas.

3. Gás natural veicular

Em processo de popularização no Brasil, o uso de gás natural veicular ainda é muito reduzido, principalmente por causa da necessidade de adaptar o carro para sua utilização. Comumente chamado de GNV, é conhecido por ser um dos mais baratos. Sua composição envolve hidrocarbonetos leves, basicamente metano e etano, e é o tipo de combustível que emite menos poluição. Entretanto, vale mencionar que o desempenho do veículo cai naturalmente com o seu uso.

4. Diesel S10, aditivado e premium

É comum em veículos de porte grande. O diesel S10 conta com carbono, nitrogênio, enxofre, hidrogênio e oxigênio em sua formulação. O alto poder de combustão é um de seus principais benefícios.

O diesel aditivado recebe substâncias com intenção de que seja dispersante, antiespumante e anticorrosivo. Na prática, isso permite o tanque cheio até o limite e menos tempo de parada. Já o premium promete uma importante melhora no desempenho do carro.

Convém mencionar que os carros movidos a energia elétrica também são uma realidade próxima. Nesse caso, a performance costuma ser mais baixa, com custos ainda variados. Os carros híbridos, no entanto, são uma tendência para os próximos anos.

Entender os tipos de combustíveis nem sempre é uma tarefa simples. Entretanto, depois que você compreende as principais diferenças entre eles, fica mais fácil identificar qual é o tipo mais ideal para o seu automóvel.

Compartilhe este artigo em suas redes sociais e discuta sobre o tema com seus amigos!

Posts relacionados

Deixe uma resposta

Campos obrigatórios *