Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/blogolhovivovist/public_html/wp-content/themes/gillion/inc/static.php on line 177
Como identificar um carro roubado ou furtado? Blog - Olho Vivo Vistorias

Blog

Como identificar um carro roubado ou furtado?
Veículos

Como identificar um carro roubado ou furtado?

O número de furtos e roubos de automóveis no Brasil é alto. Por isso, antes de realizar uma compra, é essencial saber como identificar um carro roubado. Será que você consegue perceber alguns sinais importantes?

Embora todo mundo ache que nunca vai ser enganado, a verdade é que existem quadrilhas muito sofisticadas em seus golpes. Assim, nem sempre é fácil reconhecer um veículo de procedência duvidosa.

Para que você não corra risco de comprar um desses veículos, veja no artigo a seguir no que é preciso ficar atento antes de uma compra. Boa leitura!

Desconfie de preços muito atraentes

Antes de iniciar uma negociação, é importante observar critérios básicos. A maioria dos carros tende a desvalorizar entre 10% e 20% a cada ano circulando. Isso significa que um automóvel 2017 deve ter valor mais ou menos entre 20% e 30% abaixo de quando saiu da concessionária. Logo, se estiver à venda por um preço 50% mais barato, algo está errado.

Claro que isso nem sempre vai significar que se trata de um carro roubado. Contudo, é um indício importante de que é melhor ir com calma e avaliar cuidadosamente outros critérios.

Uma boa opção é consultar a famosa tabela Fipe. Atualizada mensalmente, a lista de preços-base para usados e seminovos é elaborada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas. Embora possam existir diferenças entre a tabela e o preço e venda, perceba se os valores são muito dissonantes.

É possível que uma pessoa esteja vendendo com urgência por um motivo válido, contudo, o bom senso precisa sempre prevalecer. Uma coisa é o vendedor dar um desconto. Outra é oferecer um carro que vale R$ 15 mil por R$ 9 mil, por exemplo.

Verifique a documentação

Consultar os documentos do carro antes de efetivar uma negociação é indispensável. Não hesite em verificar o número da placa e do Registro Nacional de Veículos Automotores (RENAVAM). Por meio da internet, é possível usar as informações para saber o histórico e qual é a atual situação do veículo. Furtos e roubos são registrados em boletins de ocorrência de cada estado.

Convém dizer, porém, que é comum que esses dados sejam fraudados por quadrilhas especializadas em vender carros roubados. Uma dica simples é verificar se o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV) e Certificado de Registro de Veículo (CRV) são originais.

Confira pequenos traços coloridos no papel, assim como em notas de dinheiro. A textura em alto relevo indica a originalidade. Se ainda tiver dúvidas, compare com um documento que você sabe que é verdadeiro e esfregue em uma folha em branco. Um documento autêntico vai deixar marcas esverdeadas no papel.

Powered by Rock Convert

Confira motores e peças automotivas

Quando você compra um carro zero KM, é comum sequer olhar o motor direito. Como é novo, não há necessidade. No entanto, quando você vai negociar um usado ou seminovo, toda cautela é necessária. Isso significa que você precisa conferir o número do motor. Caso ele esteja raspado, são duas opções:

  • o carro é roubado ou;
  • o motor é roubado.

Em ambos os casos, isso quer dizer que você não deve negociar o automóvel. Mesmo que seja de um lojista conhecido ou de uma pessoa considerada de confiança, se trata de uma adulteração.

Da mesma forma, é indispensável consultar o número do chassi nos vidros. Olhe cuidadosamente na documentação para garantir que as informações conferem. É preciso que os números sejam absolutamente os mesmos. Se houve diferença, mesmo que seja em um único digito, o carro não tem boa procedência.

Consulte o aplicativo do Sinesp

Uma forma rápida para saber como identificar um carro roubado é o aplicativo Sinesp Cidadão. Lançado pelo Sistema Nacional de Informação de Segurança Pública, Prisional e sobre Drogas em 2013, é uma opção simples de consulta de dados.

Para verificar se um automóvel foi roubado ou furtado, você deve:

  1. baixar o app na PlayStore ou App Store;
  2. instalar no seu celular smartphone;
  3. clicar na aba “veículos”;
  4. preencher os campos solicitados com a placa do carro, com letras e números;
  5. clicar em “checar situação”;
  6. aguardar pela mensagem que vai indicar se o automóvel tem algum boletim de ocorrência relatando seu sumiço.

É importante dizer que esse procedimento baseia suas informações nos registros feitos oficialmente. E também que pode existir um intervalo de tempo entre o Boletim de Ocorrência e sua inclusão na plataforma. Logo, é possível que um veículo roubado no domingo, por exemplo, ainda não apareça como roubado ao longo da semana.

Se você consultar a situação de um carro e ele aparecer como regular, pode confiar. Entretanto, se o vendedor parecer com muita pressa de se livrar do automóvel, fique atento. Pode ser que ele esteja tentando aproveitar a janela de tempo até que aconteça a notificação no app.

Faça uma vistoria cautelar

Se você não tiver como identificar um carro roubado e prosseguir com a transação, a chance de acabar no prejuízo é grande. Vistorias feitas pelo Detran geralmente são eficientes em determinar o crime. A questão é que elas acontecem após a compra. Assim, mesmo que você já tenha pago, veículo será então devolvido ao dono original. Para evitar que isso aconteça, a ajuda especializada de uma consulta veicular é bastante eficiente.

Empresas como a Olho Vivo Vistorias fazem uma vistoria completa no veículo. Por meio desse procedimento, são avaliados documentos e itens obrigatórios. Ao final desse avaliação, é fornecido um laudo indicando toda a situação veicular. Convém dizer, porém, que é importante que a empresa contratada seja devidamente credenciada. Isso vai garantir que o laudo apresentado seja confiável.

Em resumo, não há uma fórmula mágica para saber como identificar um carro roubado. Entretanto, há critérios e padrões importantes que ajudam a determinar sua confiabilidade. Sendo cuidadoso na compra, é possível evitar problemas futuros. Lembrando que se você adquirir um veículo irregular e tentar revendê-lo, pode ser acusado de estelionato e fraude mesmo não tendo sido responsável direto pelo crime.

Se você ainda tem dúvidas sobre como garantir a boa procedência de um veículo, aproveite para entrar em contato com a Olho Vivo Vistorias! Temos uma equipe preparada para auxiliar no processo de compra do seu carro!

Related posts

Deixe uma resposta

Required fields are marked *